Chuvas animam áreas produtoras do país

De acordo com pesquisa do Instituto Climatempo, o plantio da soja segue avançando num ritmo acelerado. Muitos produtores estão virando 24 horas realizando o trabalho de plantio dentro do campo. Será observado, nos próximos 15 dias, um avanço significativo nos percentuais de área plantada.

Para as áreas de café e cana de açúcar, as chuvas dos últimos dias elevaram os níveis de umidade do solo, garantindo boas condições ao desenvolvimento das lavouras. O mesmo está acontecendo com as pastagens. Porém, ainda levará uns 30 dias para que os pastos estejam em totais condições ao pastoreio dos animais.

Conforme informações divulgadas pelo Climatempo, segue análise das condições do tempo para os próximos dias:

O avanço de frentes frias pelas regiões Sul e Sudeste nos próximos 15 dias, manterão o tempo instável e com previsão de pancadas de chuva quase que diárias em todas as regiões produtoras do Brasil. A chuva irá possibilitar o aumento dos níveis de umidade do solo o que melhora o desenvolvimento das lavouras já semeadas e o plantio.

 Café e cana: Lavouras de café também estarão sendo beneficiadas por essas chuvas. Já a cana-de-açúcar pode sofrer com o pleno andamento da colheita, podendo até mesmo prejudicar a ATR das plantas.

 Chuva dá trégua ao arroz no RS: Produtores de arroz do Rio Grande do Sul terão uma trégua nas chuvas nas próximas duas semanas o que irá possibilitar que o plantio seja finalizado. Mas infelizmente, esse longo atraso no plantio irá resultar  em uma redução na produtividade, já que a janela ideal de plantio já terminou.

E para aqueles produtores de soja que estão preocupadíssimos com esse atraso no plantio da soja, em relação ao plantio do milho safrinha e demais culturas de 2ª safra, a notícia é boa. A análise de clima indica que haverá chuvas ao longo do mês de abril em grande parte das regiões produtoras do Paraná, Mato Grosso do Sul, São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Goiás e também em todo o Matopiba.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *